Benefícios da erva príncipe - capim limão

Benefícios da erva príncipe - capim limão
Os benefícios da erva príncipe (Symbopogon citratus) estão contidos numa deliciosa infusão com um suave aroma a limão e recomendada em vários tipos de patologias. É uma planta originária da Índia e Sri Lanka, que apresenta propriedades bactericidas, fungicidas, diuréticas, anti inflamatórias, desinfectantes, febrífugas, sudoríficas, analgésicas, anti fúngicas, calmantes, antiespasmódica, e anti depressivas.

As suas folhas frescas ou secas, resultam numa deliciosa infusão com um delicioso aroma a limão, que pode ser tomada com regularidade devido às suas propriedades digestivas.

No jardim a erva príncipe resulta numa bela planta ornamental, muito fácil de tratar. Em qualquer canto do jardim ou num vaso poderá ter a sua planta disponível para preparar uma deliciosa e rica infusão. As folhas são cortadas continuamente, conforme a necessidade e poderá consumi-las frescas ou secas.

A infusão da erva príncipe ou capim limão é recomendada nas dores de estômago, vômitos, flatulência, espasmos intestinais, febre, gripe, retenção de líquidos e todo o tipo de dores, incluindo as dores de cabeça, é ainda recomendada durante a lactação como estimulante lácteo.

Descubra as propriedades medicinais e os benefícios da erva príncipe


Reduz os quadros de dor. Alguns estudos laboratoriais revelaram que a planta contém propriedades analgésicas e sedativas. Nas dores de ciática, tendinite, entorse, lombalgia e reumatismo. Recomenda-se friccionar a zona afetada com 10 gotas de óleo, ou então aplique compressas de infusão da folhas da planta. Também auxilia nas perturbações circulatórias, friccionar algumas gotas de óleo essencial sobre a zona afetada, vai melhorar a circulação do fluxo sanguíneo.

A erva príncipe têm um forte poder ansiolítico, uma propriedade importante para os que sofrem de ansiedade e das pertubações do sono. Alguns estudos sugerem que a toma regular da infusão da erva príncipe melhora e aumenta a qualidade do sono, reduz o estado de ansiedade e ainda reduz as crises de epilepsia ou crises convulsivas.

Controla a temperatura corporal. o uso do estrato da erva príncipe tem-se revelado muito eficiente em diversos tipos de febre, resultantes de infecções, febre das crianças, febre da malária e a febre da doença do sono, entre outras.

A erva príncipe é um dos melhores digestivos naturais, auxilia o fígado, combate a azia e a má disposição. É ainda um excelente protetor estomacal, protege as paredes do estômago e leva à prevenção de gastrites e ulceras gástricas.

A erva príncipe têm uma importante ação anti inflamatória. Esta capacidade revela-se tanto no modo interno como externo. No modo interno apresenta benefícios sobre várias doenças inflamatórias pulmonares como asma e bronquite, entre outas. No modo externo a planta melhora vários tipos de inflamações da pele, incluindo as do acne, seja no modo de cataplasma ou friccionando o seu óleo.

Inibe o desenvolvimento das bactérias. Segundo alguns estudos realizados na Índia, a ação antibacteriana da erva príncipe auxilia no tratamento de várias doenças infecciosas, inibindo o desenvolvimento de diversos tipos de bactérias. Em 2003 o cientista Japonês Tomoyuki Ohno, descobriu que o óleo essencial da erva príncipe pode matar a bactéria do  estômago helicobacter Pylori, tendo também constatado  que a bactéria não desenvolve resistência ao óleo essencial da erva príncipe. O método é bem simples, recomenda-se a dissolução de uma gota do óleo em 50 ml de água e tomar 10 a 30 minutos antes das refeições.

Na boca auxilia o tratamento de gengivites, aftas e candidiese oral. Nos pés é útil para tratar o pé de atleta. Todas estas vantagens devem-se às suas propriedades bacterianas e fúngicas. O óleo essencial da erva príncipe é também utilizado como desodorizante,  ajuda a controlar a transpiração e o pé de atleta.

A erva príncipe auxilia na perda de peso. A infusão da planta acelera o metabolismo, leva o organismo a gastar mais energia, além disso a presenta ação diurética, diminui o inchaço do corpo provocado pela retenção de líquidos.

Preparação do chá de erva príncipe


A infusão prepara-se com 1 colher de sopa de folhas frescas ou secas, numa chávena de água fervente. Deixe em repouso por uns 10 minutos, coa-se e bebe-se frio ou quente, 2 a 3 chávenas ao longo do dia.
No Verão junte umas pedras de gelo ao chá de erva príncipe depois de frio e obterá um refresco agradável e saudável.

Curiosidades sobre a erva príncipe


A erva cidreira é também conhecida como capim limão, capim santo, capim cidreira. Popularmente é também denominada de: belgate, belgata, chá príncipe, chá do gabão, chá de estrada, capim cheiroso,  capim de cheiro, capim catinga, patchuli, capim marinho, capim menbeca, capim cidrão, capim cidró,  falsa erva cidreira, caninha de cheiro ou cana de cheiro.

A erva príncipe também é conhecida por falsa erva cidreira apesar de serem duas plantas bem diferentes, apenas se se assemelham pela fragrância cítrica. Veja aqui as diferenças: (Benefícios da erva cidreira - Melissa)

É uma planta rica em óleos essenciais, o que a leva a ser utilizada na preparação de repelente de insectos, de perfumes, sabonetes e alguns tipos de cosméticos.
Na cozinha os seus caules frescos e tenros enriquecem saladas, servem para condimentar pratos de peixe, marisco e molhos. É muito apreciada na culinária asiática, especialmente na Tailândia,onde a parte branca da planta é muito utilizada, porém é necessário ter uma grande quantidade de plantas quando se pretende consumir os seus caules.

No Brasil encontrará a planta pelo nome de capim Santo. Poderá comprar a erva príncipe em lojas de produtos naturais, ervanárias e na maioria dos super mercados. Em Portugal poderá encontrá-la via online em alguns viveiros nacionais.

Contra indicações da erva príncipe


O consumo da erva príncipe e dos seus derribados, é contra indicado durante a gravidez, pela possibilidade de provocar aborto, devido ao relaxamento dos músculos uterinos. Quando respeitadas as doses recomendadas, não são conhecidos outros efeitos colaterais. Em doses excessivas, pode provocar: sonolência, diarreia, hipotensão, fraqueza e sedação.

Sugiro que leiam também: O poder do chá e das infusões para a saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...