23.7.16

Benefícios do espinafre para a saude

Benefícios do espinafre para a saúde

O espinafre é um vegetal com folhas verdes escuras e sabor marcante que conquista muita gente. Têm um elevado valor nutricional, propriedades reguladoras e antioxidantes, contém um alto teor de água, é rico em minerais, fibras e é uma excelente fonte de folato e vitamina E.

A melhor maneira de optimizar os benefícios do espinafre é consumindo-o com temperos. O organismo absorve melhor a luteina quando associada a gorduras.

Espinafre contra a anemia


O espinafre é um dos alimentos vegetais mais rico em ferro, contudo ele está numa forma difícil de ser absorvida pelo nosso organismo e vamos precisar da vitamina C para absorver esse ferro. Daí aconselha-se comer o espinafre e depois ingerir algo rico em vitamina C, pode ser um sumo de laranja natural, morangos, kiwi, clementina, goiaba e tantas outras frutas.

O espinafre facilita o processo de emagrecimento


O espinafre é utilizado nas dietas de emagrecimento pela ausência total de gorduras. Segundo um estudo executado na Suécia na universidade de Lund, o espinafre contém uma substancia chamada tilacoíde, uma membrana das folhas verdes, que ao que parece está associada à diminuição da vontade de comer extravagancias. Esta substancia provoca a sensação de saciedade ao reduzir a velocidade da digestão dos lípidos e ao manter a difusão dos hormônios responsáveis pela saciedade. Para potenciar este efeito os espinafres devem ser moídos e triturados, de forma a libertar os tilacoides das células das plantas, porque o nosso organismo não têm a capacidade de os separar no processo digestivo.

Reduz o risco de contrair cancro do cólon


Segundo um estudo efectuado nos Estado Unidos existe uma relação positiva entre o consumo regular de carotenoídes e a redução do cancro do cólon. Parece que a ingestão contínua de alimentos ricos em luteína, em especial o espinafre, pode ajudar a reduzir o desenvolvimento deste tipo de cancro.

Espinafres contra a cegueira


A degeneração macular provocada pela idade, é uma das causas mais comuns da cegueira, uma doença degenerativa da retina que leva a uma perda progressiva da visão . Segundo um estudo realizado nos Estados Unidos, as pessoas que comem espinafres ou outras folhas verdes, cinco vezes por semana ou mais, reduzem o risco de contrair esta doença em 43%. Esta teoria baseia-se no facto do espinafre conter luteina, um antioxidante com efeitos importante na protecção da saúde ocular.

Contra indicação do espinafre


O espinafre é um dos vegetais que contém mais cálcio e ferro, porém o nosso organismo consegue assimilar muito pouco estes dois nutrientes. A explicação está no facto dos espinafres conterem um alto teor de ácido oxálico, que inibe a absorção destes minerais. Segundo alguns estudos o ácido oxálico contido nos espinafres, também inibe a absorção do cálcio e do ferro contido noutros alimentos quando ingeridos em conjunto com espinafres. Leia mais sobre: o espinafre faz mal à saúde

Nem todos podem comer, pessoa com pré disposição a ter cálculos renais, devem ter alguma moderação no consumo deste alimento.

O espinafre deve ser consumido cozido, quando cru ele contém algumas substancias tóxicas, que a cozedura consegue eliminar. Deve dar preferência a prepará.los no vapor, esta prática consegue manter um teor maior de fibras e consegue manter as folhas mais integras.

Como escolher o espinafre


Espinafres frescos apresentam um verde médio a escuro, as folhas devem estar intactas e livres de manchas ou outros defeitos  indicativos de deterioração.

Se pretende guardar os espinafres, não os lave. A água vais acelerar o processo de deterioração e vai fazer com que se estraguem mais depressa.

Deve ser guardado num saco plástico selado, dentro do frigorífico por um máximo de 4 dias.

Ao usá.los, lave-os bem, de preferência em várias águas, porque as folhas e caules podem conter restos de agrotoxicos e resíduos de terra.
Nenhum comentário:
Postar um comentário

LinkWithin
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...