Benefícios do alecrim

Benefícios e propriedades do alecrim

O alecrim Rosmanrinus officinal é uma planta medicinal de origem mediterrânica que pertence à familia das lamiaceae. Esta planta também chamada da erva da alegria. Entre os principais benefícios encontra-se o facto de ele melhorar a função cerebral de um modo geral, um atributo que lhe valeu o nome de jinko biloba do mediterrâneo.

Propriedades: anti-bacterianas, anti-fúngicas, expectorantes, antissépticas, antibacterianas, diuréticas, adstringentes, expetorantes, , antioxidantes, hipertensoras, digestivas, expetorantes e estimulantes.

Propriedades medicinais do alecrim


O alecrim é um estimulante do sistema nervoso. É uma planta que nos faz sentir bem, apenas o seu cheiro levanta-nos a moral,  melhora a circulação cerebral e consequentemente aumenta a concentração e a memoria. Tome duas a três chávenas de chá ao longo do dia. Os efeitos vão-se sentir ao fim de uma ou duas semanas.

Combate a queda do cabelo e a caspa. Aumenta o fluxo de sangue no couro cabeludo, estimula e fortalece o crescimento das raízes capilares. Além disso o alecrim têm ação inibidora da testosterona, uma hormona que quando em excesso, provoca a atrofia e queda dos cabelos. É recomendada  aplicação local de uma loção de alecrim, que pode ser feita em casa. Coloque 200 gr de alecrim num litro de álcool de cereais e deixe a macerar por 4 dias. Coe e massaje o couro cabeludo com este preparado.

O alecrim ativa a circulação sanguínea, é um estimulante natural e e faz subir a tensão arterial. Combate a hipotensão arterial, desmaios e fraquezas associadas. Alivia as dores de cabeça, insonias, fadiga cronica, estafa mental e estados convalescentes. Simultaneamente também  é vantajoso no tratamento de vertigens. Deve ser consumido com moderação por quem apresente a tensão elevada. 

Melhora o estado e o aspecto da pele. O chá de alecrim atua sob a pele por meio da sua ação anti inflamatória, analgésica, tonificante e anti séptica. Todas estas propriedades reúnem condições que auxiliam no tratamento da inflamação, do acne, da oleosidade e da vermelhidão da pele. Faça uma infusão de alecrim bem forte e aplique-a com o auxilio de um algodão sobre todo o rosto.

Auxilia o sistema digestivo. Melhora a disgestão, o funcionamento do fígado e da vesícula. O chá de alecrim é recomendado para tomar depois de uma refeição pesada e rica em gordura. Proporciona o alivio das aftas, gengivites e estomatite. Pela sua ação carminativa o alecrim é ainda utilizado na redução da flatulência.

Combate a gripe e as crises respiratórias. O alecrim têm propriedades expectorantes e estimulantes que auxiliam no tratamento o da tosse, aliviam os catarros, as crises de asma e bronquite. Alivia ainda as dores de garganta e o mau hálito.

Alivia as dores. Abranda as dores das entorses, tendinites, artrite, reumatismo,  lesões e dores musculares. É utilisado sob a forma de compressas aplicadas no local, ou na forma de massagem com óleo de alecrim.

Curiosidades sobre o alecrim 


Os médicos árabes utilizavam o alecrim em pacientes com problemas  de fala por consequência de ataques cardíacos. Na China é utilizado contra insonias e fadiga.

Há indícios de que a planta de alecrim já é utilizada há milhares de anos.  O povo Egípcio conhecia bem os seus poderes curativos e embelezadores. Os vestígios também apontam que os Romanos e os Gregos o usavam como parte integrante da dieta e conjuntamente pelos seus poderes medicinais.

O alecrim é muito utilizado no fabrico de shampoos, sendo estes úteis no fortalecimento e estimulação do couro cabeludo. Do mesmo modo é utilizado no fabrico de sabonetes e cremes de beleza.

As variedades espontâneas são mais eficazes medicinalmente do que as cultivadas (Cultivo do alecrim). As flores do alecrim são comestíveis, são muito delicadas, enriquecem os pratos  e fornecem um agradável sabor. Acrescenta-se ainda o facto das flores de alecrim atraírem as abelhas, um importante benemérito, tomando em atenção que as abelhas são responsáveis em 80% daquilo que nós comemos.

Loção de alecrim para cabelos mais fortes


Torna os cabelos  fortes, macios,  brilhantes e previne a queda do cabelo. O cheiro do vinagre não permanece no cabelo, desaparece quando o cabelo seca, mas prevalecem as suas inúmeras propriedades no cabelo. Propriedades do vinagre no cabelo
Colocar folhas e flores de alecrim num recipiente de vidro, cubra com vinagre de cidra e deixe a macerar por um mês. Utilizar este preparado no enxaguamento do cabelo, misturado meio por meio com água.

Contra indicações do alecrim


O alecrim não deve ser consumido por gestantes, lactantes e crianças com idade inferior a 6 anos. O uso exagerado de alecrim pode levar a vários efeitos secundários: irritações gastro intestinais, doenças inflamatorias do intestino, sindrome do cólon irritável, irritações da pele, nefrite.

Uso do alecrim na culinária


O alecrim é muito apreciado no tempero de carnes e de vários outros pratos como por exemplo a sopa de tomate, berinjela recheada e decorada com flores de alecrim. Dão um toque especial a pratos de carne, peixe, massas e vegetais.

Paralelamente é ótimo a aromatizar vinagre, colocam-se algumas folhas de alecrim no frasco do vinagre, que se irá depois utilizar nos temperos pretendidos.

Nomes comuns: alecrim, erva da memória, erva da alegria, alecrinzeiro, alecrizeiro, rosmmano, alecrim de jardim, erva da graça, alecrim rosmarino, rosmarino, rosmaninho. Rosemary (inglês), romarin (francês), roris marini (latim), ramerino (italiano), rosmarin (alemão).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...